terça-feira, 2 de junho de 2009

Quadrilha

Quadrilha

O termo quadrilha vem do francês quadrile que era uma dança de eleite, formada nos salões dos palácios. No Brasil se fixou como parte dos festejos juninos, onde é dançada em homenagem aos chamados santos juninos (Antônio, João e Pedro) e para agradecer as boas colheitas na roça. È uma mistura de coisas, adaptadas à cristandade para adquirir cunho religioso.

Gênesis 1: 26. Imagem e semelhança de Deus. Retratam a miséria humana num tom de goazação. Os figurinos caipiras ridicularizam o ser humano. Acha que isto é brincadeira? Esse na verdade é o intuito de satanás. É muito irônico pegar uma roupa da moda e costurar um pedaço de pano de outra cor por cima dela, e não atentar para a realidade do verdadeiro "caipira" que são obrigados a se vestirem com roupas verdadeiramente remendadas.

O ser humano travestido de fantoche, sendo comandado por uma voz autoritária.

Passos de Quadrilha

Formam-se duas filas que ficam marcando passo, esperando pelo comando. O inimigo quer isso, pessoas que vivem marcando e só marcham ao seu comando.

O cavalheiro cumprimenta a dama quase se prostrando diante dela. O cumprimento das damas é ir até o cavalheiro e levantar levemente a barra do vestido. Essa parte é bem estilo francês, o galanteio. È praticamente um culto à beleza masculina e feminina. Os povos antigos tinhas deuses e deusas específicos para esse tipo de culto.

Os cavalheiros trocam de lugar com as damas. O homem troca de lugar com a mulher. É realmente muito pertinente à sociedade moderna. Como se estivesse sendo profetizado durante anos nas escolas, quermesses, e onde quer que se dance uma quadrilha.

Formam um grande círculo, uma grande ciranda. É chamado de o grande passeio. Mas vejamos na Bíblia quem é que anda num caminho circular e faz um grande passeio. Jó 1: 7. I Pedro 5: 8

Os cavalheiros trocam de damas, e o interessante é que passam por todas as damas até chegarem à sua legítima companheira. Acha que isto é apenas brincadeira? Esse procedimento se repete, só que desta vez são as damas que trocam de companheiro. Já ouviu falar de dança profética? Pois bem, o diabo sabe usá-la de maneira extraordinária.

Passam pelo túnel. Estariam passando para o outro lado da vida? A dança é de origem francesa, terra de Alam Kardec e berço do espiritismo.

Entram no caminho da roça. Olha a chuva, olha a cobra, olha a onça... À cada perigo, saltam para o lado oposto e voltam para trás. Todas coisas ruins são profetizadas neste momento pela voz de comando, levando os figurinos para frente e para trás. No final fala-se é mentira, e todos continuam a performance como se nada tivesse ocorrido. João 8: 44. Pessoas direcionadas pelas mentiras do diabo.

A fila se enrola toda feito um caracol. Quantas vidas estão enroladas nos relacionamentos, nos negócios, na justiça, na vida espiritual.

No final formam uma grande roda, uma grande ciranda. Os pares se refazem e saem a galope, acenando para o público. Aqueles que servem à satanás muitas vezes estão convencidos de que estão servindo a Deus.

Jesus - O caminho da Festa

JESUS É O CAMINHO DA FESTA. NÃO PODEMOS IR PELO CAMINHO DA ROÇA.

O que dança de origem francesa tem haver com Deus? O que fogueira tem haver com Deus? O que casamento caipira forçado tem haver com Deus? O que a fantasia de caipira tem haver com Deus?

A França é o berço da bruxaria. Não sabemos em que circunstâncias, e com quais objetivos secretos cada passo da quadrilha foi criado. O Brasil é uma mistura de culturas indígenas, africanas e européias. E por trás de toda cultura há elementos religiosos e espirituais. Os passos da quadrilha parecem planejados para profetizarem alguma coisa oculta.

NO MÍNIMO É PRECISO TER - CUIDADO!

...


Nenhum comentário: